PERSPECTIVA DA ECONOMIA BRASILEIRA É TEMA DE PALESTRA DE EDUARDO GIANNETTI DA FONSECA NA ABERTURA DA EXPOPOSTOS & COMBUSTÍVEIS

Data: 06/AGO/2015

Em palestra de abertura do evento, para mais de 400 líderes e executivos do setor de distribuição de combustíveis hoje (05/08), o economista previu cenário de forte retração ainda no próximo ano

 

A ExpoPostos & Conveniência 2015 – XII Feira e Fórum Internacional de Postos de Serviços, Equipamentos, Lojas de Conveniência e Food Service, maior evento do setor de distribuição de combustíveis do País, inaugurou hoje (05/08) sua 12ª edição, com palestra do economista Eduardo Giannetti da Fonseca, para mais de 400 lideranças de entidades do setor, dirigentes e executivos das maiores empresas de distribuição e de fornecedores. O atual cenário recessivo, alertou ele, vai continuar em 2016, com mais um ano de queda do PIB, embora em menor proporção do que em 2015, quando projeta-se uma retração entre 2% e 2,5%.

 

A inflação está caminhando para um intervalo entre 9% e 10%, muito acima do centro da meta, observou Gianetti da Fonseca. A isso, adiciona-se o elevado déficit externo – que situa-se hoje em 4% do PIB, o equivalente a R$ 80 bilhões –, colocando o país em situação de vulnerabilidade externa, e a recessão forte – esta é a mais acentuada e a mais longa das cinco crises registradas desde o Plano Real. Esses três componentes, segundo ele, geram uma crise de múltiplas dimensões, sem que se possa vislumbrar esperança de recuperação no curto e médio prazo.

 

“Inflação alta, recessão e déficit externo conjugados é um sinal de que há algo muito desajustado no nosso sistema”, alertou, ao observar que, pela lógica dos mercados, se há recessão, não deveria haver inflação, e tampouco seria usual ter déficit externo com queda do PIB.

 

Esta situação pouco usual tem levado o BC a aumentar os juros em um patamar além do que seria adequado. “O Banco Central está cometendo erros de sinalização. Quando a inflação começou a se acelerar, baixou os juros. Depois passou a segurar a inflação por meio dos preços administrados, e agora está fazendo um aperto excessivo para uma economia já recessiva”, destacou. Com isso, a conta dos juros vai engolir de 1,8% a 1,9% do PIB, o que leva ao crescimento da dívida do País, e consequentemente ao risco de perda do grau de investimento, perda de investimentos e forte impacto no câmbio.

 

Segundo Giannetti da Fonseca, “vivemos hoje uma reversão de expectativas, passando do cenário muito favorável registrado entre 2010 e 2011, em que o Brasil aparecia como um case de sucesso em meio à crise mundial e era a estrela do mundo emergente, para a posição de país que mais preocupa entre os emergentes”.

 

As causas desta situação incluem os fatores externos – devido ao fim do super ciclo de alta das commodities e a redução na migração de capitais externos para o País, com consequente dificuldade no financiamento da conta corrente – e os fatores domésticos estruturais. Entre estes, o aumento da carga tributária bruta, que passou de 24% do PIB desde a criação da Constituição, em 1988, para atuais 36% do PIB. Este percentual somado ao déficit nominal equivalente a 8,5% do PIB, faz com que 43% da renda do País seja absorvida pelo Estado, que, entretanto, não tem dado contrapartidas para a sociedade, investindo apenas 2,5% do PIB.

 

“Algo muito grave está ocorrendo nas contas públicas brasileiras. É a drenagem de recursos do setor privado para financiar os gastos do setor público, que não se transformam em investimentos, mas sim em gasto corrente”, afirmou Giannetti da Fonseca.

 

Em um cenário bastante recessivo, ele observou que o segredo das empresas é fazer melhor do que os outros, aliando custo e qualidade; ter uma elevada produtividade; inovar, descobrindo nichos não atendidos e se legitimando junto aos consumidores.  Para o setor de distribuição de combustíveis, lembrou que a frota brasileira de veículos cresceu do patamar de 23,6 milhões de veículos em 2003 para 43,4 milhões em 2013. “Esse estoque de veículos está na rua, e isso ajuda a manter as vendas de gasolina e etanol, embora o diesel seja mais sensível”, completou o economista.

 

Sobre a ExpoPostos & Conveniência

A ExpoPostos & Conveniência 2015 reúne fornecedores e profissionais dos vários segmentos voltados à atividade de comercialização de combustíveis e lojas de conveniência, e é realizada pela ABIEPS (Associação Brasileira da Indústria de Equipamentos para Postos de Serviços), Fecombustíveis (Federação Nacional do Comércio de Combustíveis e de Lubrificantes) e Sindicom (Sindicato Nacional das Empresas Distribuidoras de Combustíveis e Lubrificantes). Conta com o patrocínio máster da Souza Cruz e com a promoção e organização da Fagga GL | events Exhibitions

 

A feira apresenta as últimas tendências e novidades do mercado, incluindo novos produtos e tecnologias voltadas ao setor. Debates sobre temas de relevância para o mercado também fazem parte da programação do Fórum, que acontece simultaneamente à feira.

 

 

Fagga l GL events Exhibitions

Pioneira no mercado de feiras de negócios no Rio de Janeiro, a Fagga l GL events Exhibitions conta com um portfólio que reúne mais de três mil eventos realizados no Brasil e 250 no exterior. A empresa tem escritórios no Rio de Janeiro, em São Paulo e Minas Gerais. Além da forte presença no eixo Rio-São Paulo, a Fagga consolidou sua presença em outros destinos do Brasil, especialmente os de apelo regional, como Minas Gerais e Bahia. 

 

Serviço: ExpoPostos & Conveniência 2015
Local: Expo Center Norte - Rua José Bernardo Pinto, 333 - Vila Guilherme, São Paulo
Dias: 05 a 07 de agosto


Fagga l GL events Exhibitions – www.fagga.com.br / GL events Brasil -www.gleventsbrasil.net

Informações à imprensa:

GPCOM Comunicação Corporativa

Débora Ferreira – deboraferreira@gpcom.com.br

Mário César de Mauro – mariocesar@gpcom.com.br

Mariana Ferreira – mariana@gpcom.com.br

Giovanna Picillo (11) 3129-5158

www.gpcom.com.br

Leia também

BOLETIM 3 - Com marcas especializadas presentes na ExpoPostos & Conveniência, sistemas de automação auxiliam no gerenciamento de postos BOLETIM 2 - Abertura dos mercados latino-americanos é destaque do Fórum Internacional da ExpoPostos & Conveniência 2017 iGUi Trata Bem leva seu novo modelo de loja à ExpoPostos & Conveniência 2017
/ExpoPostos /ExpoPostos /ExpoPostos
Fagga | GL events Exhibitions
expopostos@expopostos.com.br
Rua Salvador Allende, 6.555
Barra da Tijuca - Rio de Janeiro
Tel.: +55 21 2441-9100
Rod. dos Imigrantes, km 1,5
Água Funda - São Paulo
Tel.: +55 11 50 67-1717
healthprose reviews